Progresso e lazer

Lin Yutang disse que o progresso da civilização implica maior complexidade da vida humana, advinda da imposição de novos deveres, novas responsabilidades, novos temores, novas controles – embora não use o termo controle. A esse respeito ele: “A civilização é sobretudo o problema de obter alimento, e o progresso é o caminho mais difícil obtê-lo. Se não fora tão difícil ao homem obter alimento, não haveria razão alguma para que a humanidade trabalhasse tanto. O perigo é que nos civilizemos em excesso e cheguemos ao ponto, como em verdade já chegamos, de que seja tão penoso obter comida que até se perde o apetite ante o trabalho de consegui-la”.

 

Note-se que a afirmação Yutang foi feita no livro A Importância de Viver, publicado em 1950.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s